Outubro é tempo de prevenção e de combate ao Câncer de Mama. Segundo dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), o Câncer de Mama é o tipo mais comum e também o mais letal, sendo a segunda causa principal de mortes de mulheres latino-americanas, na faixa dos 20 aos 59 anos. O câncer de mama é o segundo tipo de tumor mais comum entre as mulheres no Brasil e no mundo. Estima-se que 1 em cada 10 mulheres vai apresentar a doença ao longo da vida. De acordo o Instituto Nacional do Câncer, neste ano ainda devem surgir 57.960 mil novos casos da doença no Brasil.


Como e onde começou a campanha Outubro rosa?

A campanha Outubro rosa teve seu início em Nova York, em 1990, com o evento da primeira edição da Corrida da Cura, maratona em prol do tratamento do câncer de mama. Nele, então, a Fundação Susan G. Komen for the Cure distribuiu aos participantes o lacinho de fita cor de rosa. Assim, o Congresso Americano oficializou o mês de outubro como mês oficial de prevenção do câncer de mama. E não fica por aí, a Fundação é a maior organização de câncer de mama do mundo, financiando pesquisas e programas de triagem, educação, tratamento e apoio psicossocial a milhares de pessoas em mais de 30 países em todo o mundo. A data surgiu oficialmente em 1997, com apoio de diferentes entidades visando a conscientização do diagnóstico precoce.

Como é a campanha Outubro rosa no Brasil?

A história sua no Brasil é cercado de diversas curiosidades, até porque o país aderiu ao evento de braços abertos.A campanha Outubro Rosa chegou por aqui,em 2002 e teve um grande sucesso na disseminação de informações e conscientização sobre o Câncer de Mama, uma das doenças que mais mata as mulheres atualmente. O mês serve como um alerta para que as mulheres façam os exames periódicos, facilitando o diagnóstico precoce e ajudando nas chances de cura.

Como são os números do câncer de mama no Brasil?

Em todo há cerca de 2,1 milhões de casos, sendo 85,6 mil somente no Brasil. A boa notícia é que, apesar de mortal, quando diagnosticado precocemente a chance de cura é de 95%, já quando descoberto mais tarde a taxa cai para 50%.