Assim como o samba carrega consigo a história, os costumes e a arte do povo brasileiro, o tango é um símbolo da cultura argentina. Sendo internacionalmente reconhecido,por seu conteúdo artístico em suas mais variadas nuances, como a música, a dança, e também, o figurino. O figurino do tango possui um simbolismo muito forte que também transmitem sensações e contam histórias.


Qual é o figurino do tango

O figurino feminino do tango chama à atenção pelos seus muitos elementos como cores, estampas, modelagens, texturas e acessórios. Os vestidos, que já foram bem mais conservadores, hoje aceitam tecidos mais modernos mas continuam sendo um dos pontos que mais chamam à atenção nessa dança, lógico, depois da coreografia.

Como são os vestidos do tango

Antigamente as saias era mais longas e com o passar do tempo as fendas foram surgindo com o objetivo de dar maior amplitude e beleza aos movimentos. Hoje, mesmo não sendo tão tradicional, existem vestidos de tango com saias curtas, onde todos os movimentos da coreografia ficam bem visíveis. Os tecidos também mudaram, o tradicional encorpado deu lugar à lycra e outros bem modernos.

O que não mudou muito foram os sapatos que continuam muito semelhantes ao tango raiz. Outros acessórios que podem ser usados em ocasiões especiais ou em espetáculos são as flores, de tecido ou penas, que se podem prender aos cabelos ou à perna, e também a meia arrastão. Clássicos do figurino do tango e nos clássicos ninguém mexe!

O que usar em uma noite de tango

Roupas  que combinam com o estilo e que dão a praticidade necessária para os movimentos:  : tecidos leves, saias rodadas na altura do joelho, calças de tecidos molinhos que permitam os movimentos, muito decote nas costas, saias justas com fendas (sim, mas com bom senso). Com um pouco de juízo também vale brilho e transparência – dois toques super femininos e sensuais quando estão na medida.

O que evitar em uma noite de tango

Aqui também vale o bom senso, mas evite: tomara que caia, minissaias muito, saias rodas muito abaixo da altura dos joelhos brincos muito grandes e, muito importante, tecidos que não são compatíveis com a transpiração, por exemplo os jeans.