A moda é cíclica, e atende às demandas da sociedade, no momento que vivemos. Já falamos aqui sobre influência da guerra em certas vestimentas, dos usos e desusos de certos tecidos como  o jeans e o brim. Novamente temos, a partir do isolamento social, um novo comportamento que se reflete diretamente no consumo de vestuário durante o isolamento social provocado pela pandemia do novo Coronavírus. Já foi comprovado que as vendas de saltos altos caíram mais de 70% no Reino Unido, no Brasil esse impacto foi de 25%. E o que isso significa? Que a imposição do salto alto como única opção para quem quer se vestir com estilo, cai por terra. É possível fazer composições de roupas com elegância e modernidade, usando sapatos baixos.

Flats: saltos baixos com muito estilo

No post de hoje, vamos falar de um tipo de calçado que ganhou o coração das brasileiras durante o isolamento social: os saltos baixos!  Afinal, se estamos saindo pouco de casa vamos usar sapatos confortáveis e arejados quando precisarmos fazer isso. Fora que, o mais indicado pelos estudiosos da motivação para o trabalho, é usar a vestimenta completa no home office, e isso inclui sapatos confortáveis, mas sem desleixo.

Tipos de flats

São vários os tipos de sapatinhos de saltos baixos. São rasteiras, sandálias, chinelos slide e tênis femininos, por exemplo, todos de salto baixo ou sem salto, vão bem com tudo e são ótimas opções para quem desejar criar looks confortáveis e elegantes.

 

Não precisa mais ter medo de errar. Escolha uma opção que te agrada e orne com o resto do seu visual.

Como usar as flats

Para equilibrar um vestido longo, com uma estampa alegre e que deixe o visual radiante, com um tênis seria uma boa escolha. Isso pode te causar um estranhamento, afinal, vestidos sempre foram usados com saltos altíssimos. Sandálias com saltos enormes, tiras amarradas, pés esbanjando sensualidade. Mas, como disse no começo do post, a moda é cíclica. Os saltos podem ter cumprido seu ciclo e voltarem com tudo depois. O momento é flat! Saltos baixos e elegantes.