O Muito chique estará, a partir de hoje, postando muitos textos sobre o mercado de trabalho. A nossa ênfase será em textos que ajudem na atualidade, no momento em que vivemos, e não textos padrão que se repetem ano após ano, quando na verdade o mercado de trabalho é um processo de movimento rápido. Na pandemia, entre muitas das mudanças que ocorreram no nosso dia a dia, alguns empregos sumiram e outros foram criados. Não adianta mais saber o que as empresas pediam há um ano atrás, o mundo e as tecnologias já mudaram muito de lá para cá. Algumas solicitações, podemos chamar assim, são eternas como cortesia e boa apresentação.


 

Nova categoria de textos sobre empregos no Muito chique

Quando ao novo enfoque de posts, como uma categoria nova ( como as que vocês já conhecem: moda, cabelos, unhas… ) pretendemos ajudar ao maior número de leitoras possível, para que todas as áreas sejam contempladas com nosso apoio, via textos do mercado de trabalho. Repassem os links para as amigas que estão em busca de uma oportunidade, vamos criar essa rede positiva, onde todos se amparam e encontram também o apoio. Para colocarmos logo a mão na massa, termino essa apresentação de um novo enfoque de posts, dizendo que os novos empregos dependem de criatividade mas todos sempre dependeram de disposição e ação. Vamos lá?

Novos empregos que surgem com a pandemia

Quem perdeu seu emprego, geralmente pelo desaquecimento do comércio ou pelo fechamento da área de eventos e serviços, pode optar por mudar de área. Inicialmente eu aconselharia ao desempregado que precisa de alguma renda imediata que analise sua rede de contatos. Quem são seus conhecidos que empregam alguém: Qual o tio que utiliza serviços terceirizados, quem dos seus amigos possui comércio? Ofereça-se, e sim, não tenha vergonha de, nesse momento, aceitar alguma proposta mais baixa do que recebia antes. É o momento de se reerguer, por que termino dizendo uma verdade muito verdadeira: as pessoas preferem dar um trabalho para quem já tem um. Aceite uma proposta e busque melhores. Prefira que sobre algum tempo para essa busca e quando chegar lá diga que procura algo melhor.

O carro gasta mais gasolina para sair do ponto morto. Ou seja, o carro que está andando gasta menos energia para continuar se movimentando. Concordam? Continuem lendo os textos sobre emprego.