O conceito "decoração afetivo" já é um sucesso absoluto no mercado da arquitetura e decsign mesmo sendo uma tendência bem recente. Ao trazer objetos pessoais para compor o ambiente, ela traz bastante personalidade e afeto na construção de uma ideia de aconchego. Somar  boas memórias e sensações ao ambiente, é o segredo desse sucesso.

 

Toques de design afetivo é a nova tendência

A proposta é uma nova maneira de relacionar com determinado cômodo da casa, a decoração não é mais apenas para deixar o ambiente " agradável aos olhos " mas, é inserido um propósito naquela decoração. Os objetos são escolhido sob uma análise e com um porquê. Uma mesinha não é apenas uma mesinha bonita é aonde alguém aprendeu a ler, entendem o conceito?

Decoração com memória

Eu, particularmente, amo a ideia de decoração afetiva por gostar muito de estar em casa, e cercada de memórias, histórias e recordações. Uma decoração precisa ser bela, sim, mas tem que ter uma função e na decoração afetiva, esse item pode ter a função de te emocionar. Não é lindo?

Decoração que remete à momentos felizes

E como isso é feito? Você pode decorar seus espaços com itens que tenham significado para você. Um item de cozinha que está há anos na família. Um item decorativo comprado em uma viagem que você fez e se lembra dela com muito carinho, pode fazer um cantinho da sua casa ter a energia renovada. São muitas as propostas, e nelas estão incluídas as ressignificações de objetos.

Você pode transformar tecidos de vestidos usados em momentos especiais e almofadas belíssimas e com um toque de memórias boas.

Em um momento onde a superficialidade toma conta das redes, onde cantinhos da casa são decorados para serem " Instagramáveis " , ter um espaço decorado para fazer sentido exclusivamente para você, é um luxo e uma coisa muito boa.

Para começar, selecione os espacinhos da sua casa para redecorar, selecione objetos que tenham significado para você. Busque molduras para fotos antigas, procure objetos de viagens e comece sua decoração afetiva hoje mesmo.