terçol

O que é o terçol? Como ele se manifesta? Quais são as formas de tratamento? – Essas são apenas algumas dúvidas que surgem quando as pálpebras apresentam lesões dolorosas!

A menor irritação pode provocar dor e muito desconforto nos olhos.

Também conhecido como hordéolo, o problema pode desaparecer em questões de dias, quando recebe os cuidados adequados. As pálpebras possuem a função de proteger os olhos. Elas auxiliam a distribuição da umidade e previnem lesões no o globo ocular. Apesar de ser uma estrutura que garante proteção, ela não está ilesa às pequenas infecções, como é o caso do terçol.

O terçol é uma lesão que se forma na pálpebra. (Foto: Divulgação)
O terçol é uma lesão que se forma na pálpebra. (Foto: Divulgação)

Oque é terçol?

O terçol é resultado de uma inflamação nas glândulas Zeis e Mol. A lesão normalmente afeta a borda da pálpebra, uma região bem próxima aos cílios. Forma-se uma espécie de bolinha que desaparece espontaneamente. Alguns sintomas são característicos do terçol, como é o caso da sensibilidade na borda das pálpebras, formação de abcesso, vermelhidão local, aumento da temperatura local, dor e inchaço. O olho também pode lacrimejar e se tornar mais sensível à luz do sol.

O terçol não é contagioso, é apenas uma inflamação devido a obstrução de glândulas na pálpebra.

Se os sintomas não desaparecerem em sete dias, é sinal de que o terçol evoluiu para um quadro de calásio. O problema é um pouco mais sério, pois requer uma injeção de corticoide ou mesmo uma operação para ser tratado. A melhor maneira de evitar o terçol, principalmente para quem tem predisposição, é usando xampu de PH neutro. Também é recomendado não usar produtos de maquiagem de terceiros.

O terçol causa dor e inchaço na pálpebra. (Foto: Divulgação)
O terçol causa dor e inchaço na pálpebra. (Foto: Divulgação)

Causas do terçol

Em geral, o terçol é causado pela obstrução das glândulas com gordura dos cílios. A infecção, por sua vez, é provada pela bactéria Staphylococcus aureus. A ferida se transforma em um pontinho inchado, dolorido e com pus. O terçol, que dura em média 8 dias, pode causar incômodo e dificultar o movimento de abrir e fechar os olhos. Na imagem abaixo, alguns exemplos de como o terçol se manifesta na região dos olhos.

terçol
Os mais comuns são o hordéolo, o calázio, o cisto de Moll e a ceratose seborreica. (Foto: Divulgação)

Como tratar terçol?

Há várias dicas que podem ser úteis no tratamento do terçol, veja 3 opções que selecionamos e que podem te ajudar a amenizar o problema:

Compressa de água morna: A melhor forma de tratar o terçol é aplicar, de 3 a 4 vezes ao dia, uma compressa de água morna sobre os olhos e deixá-la agir por 7 minutos.

Medicamentos: Se a compressa não funcionar, então é recomendado procurar um médico para receber tratamento medicamentoso.  Normalmente é receitada uma pomada com antibiótico para ajudar a curar a infecção. Muitos clínicos gerais  receitam o Dexafenicol.

O terçol é fácil de tratar. (Foto: Divulgação)
O terçol normalmente é algo simples de tratar. (Foto: Divulgação)

Remédio caseiro para Terçol

Existe um ótimo remédio caseiro para aliviar os sintomas do terçol, para prepará-lo é bem simples: prepare um chá de camomila, colocando as folhas da erva em uma xícara com água fervente. Abafe a infusão e deixe esfriar um pouco. Molhe uma gaze no chá e aplique no olho. Faça isso por 30 minutos, pelo menos duas vezes ao dia. (Veja aqui outras receitas.)

Cuidados com o Terçol

Em hipótese alguma coloque as mãos nos olhos, não esfregue os olhos e nem tente espremer o terçol, isso só vai agravar ainda mais a situação. Não use maquiagem nos olhos durante este período e quem costuma usar lente de contato diariamente, deverá evitar o uso até que o terçol esteja curado. Para aliviar o incômodo é aconselhável fazer compressas de água morna (de 5 minutos) no local afetado no mínimo 3 vezes ao dia.

Assista o vídeo abaixo um vídeo bastante esclarecedor sobre Terçol com informações do Dr. Newton Kara José, médico oftalmologista de São Paulo.