enxaqueca

Você sofre com dores de cabeça? Conhece os remédios para enxaqueca mais indicados para tratar este problema tão desagradável? Milhares de pessoas sofrem com esse tipo de dor de cabeça diariamente, em maior ou menor intensidade. Ela pode estar associada a diferentes situações, como sinusite, gripe, estresse e até mesmo uma tensão pré-menstrual. A enxaqueca é um problema mais comum do que se imagina e afeta principalmente o público feminino. De acordo com um levantamento realizado pelo Ministério da Saúde, de 5 a 25% das mulheres sofrem com esse mal. Já entre os homens, a enxaqueca se manifesta apenas de 2 a 10%. A pesquisa também constatou que a doença incide com mais frequência entre  as pessoas com idade entre 25 e 45 anos.

A enxaqueca é um tipo sério de dor de cabeça. (Foto: Divulgação)
A enxaqueca é um tipo sério de dor de cabeça. (Foto: Divulgação)

O que é enxaqueca?

A enxaqueca é apenas um dos tantos tipos de cefaleia, popularmente conhecida como dor de cabeça. Em geral, a pessoa sente desconforto e dor nos lados da cabeça. A crise pode durar de 4 a 72 horas, tudo depende das condições do indivíduo. Por conta dos sintomas similares, muitas pessoas acabam confundindo dor de cabeça (cefaleia) com enxaqueca, mas é preciso ficar atento às diferenças desses dois problemas. Em geral, a enxaqueca é apenas um dos tantos tipos de cefaleia. Uma doença neurológica que pode ser caracterizada como crônica, dependendo da sua intensidade.

Causas e sintomas de enxaqueca 3


Causas da enxaqueca

A enxaqueca vem sendo alvo de muitos estudos, mas as suas causas exatas ainda são desconhecidas. Os médicos que investigam a doença acreditam que ela está ligada às alterações cerebrais e também à propensão genética. Essa dor de cabeça se dá quando as células nervosas reagem à algum fator externo, que impulsiona os vasos sanguíneos e causa constrição ou dilatação. A próxima reação do organismo é a liberação de substâncias inflamatórias pelo corpo, que são responsáveis por causar a dor. Confira a seguir algumas situações que podem desencadear uma crise de dor de cabeça.


Estresse

Causas e sintomas de enxaqueca 4

O estresse tem se tornado um problema cada vez mais frequente na vida das pessoas, sendo associado às sensações de medo, desconforto, preocupação e frustração. Ele manifesta quando uma pessoa se casa, muda de casa ou começa em um emprego novo. Enfim, quase sempre esse mal pode se tornar um gatilho para a enxaqueca.

Fatores hormonais

No caso das mulheres, os fatores hormonais também podem ser determinantes para uma crise de dor de cabeça. A enxaqueca normalmente se manifesta dias antes ou depois da menstruação. O problema melhora de forma espontânea quando se inicia o consumo de anticoncepcionais orais ou quando chega a menopausa.


Insônia

Causas e sintomas de enxaqueca 5

Quem tem dificuldades pra dormir durante a noite acaba sofrendo com enxaqueca no dia seguinte. Isso acontece porque o cérebro não consegue descansar e por isso as suas funções não ficam em perfeita harmonia. O ideal é encontrar formas de garantir a qualidade do sono e dormir no mínimo 8 horas por noite.

Jejum prolongado

Quem não se alimenta corretamente também tem boas chances de se tornar uma vítima da enxaqueca. Portanto, o recomendado é respeitar os horários das refeições, comendo de três em três horas.


Luzes e sons

Causas e sintomas de enxaqueca

Como já foi dito, os fatores externos também servem de gatilho para uma crise de enxaqueca. Quando uma pessoa (que já sofre com esse mal) fica exposta a um ambiente com luzes intensas ou barulhento, ela pode sofrer com a dor de cabeça.

Perfumes fortes

Se você tem dor de cabeça, provavelmente não costuma reagir bem aos perfumes fortes. Isso acontece porque os sentidos se tornam mais sensíveis, inclusive o olfato.


Alimentação

Causas e sintomas de enxaqueca 6

Pouca gente sabe, mas o consumo de alguns alimentos pode levar a uma crise de enxaqueca. Isso mesmo! Itens como frituras, frutas cítricas, queijos amarelos, carnes processadas, cafés e refrigerantes podem causar dor de cabeça.

Sintomas da enxaqueca

Para identificar a enxaqueca, é preciso ficar atento aos sintomas. São eles:

• Dor latejante localizada atrás do olho;
• Dor nas laterais da cabeça;
• Visão turva e embaçada;
• Náuseas;
• Vômitos;
• Bocejos;
• Problemas de concentração e memória;
• Irritabilidade;
• Mudanças de apetite;
• Sensibilidade à luz;
• Sensibilidade ao som;
• Sensibilidade ao movimento do corpo.


Dicas para tratar dor de cabeça

Causas e sintomas de enxaqueca 8

O brasileiro não tem o costume de procurar ajuda médica quando uma dor de cabeça começa a se manifestar com frequência. Ele normalmente toma algum "remedinho" e espera passar. Isso está completamente errado. O ideal é procurar um especialista em cefaleias e se submeter a uma avaliação clínica. Dessa forma, o médico terá condições de indicar o melhor tratamento.

Causas e sintomas de enxaqueca 9

O tratamento da enxaqueca é mais simples do que parece. Em geral, o paciente deve descobrir qual o gatilho que está desencadeando a dor de cabeça e evitá-lo ao máximo. Exemplo: se a crise aparece por causa do excesso de barulho, o ideal é procurar lugares tranquilos para relaxar. Também é importante tomar o medicamento receitado pelo médico, na frequência e na quantidade certa. A medicação varia de um caso para o outro, podendo ser antidepressivo, analgésico, betabloqueador, neuromodulador ou antivertiginoso.

AcupuctureCecilie 066

Quem precisa conviver com a enxaqueca deve adotar medidas que amenizam a dor. Os especialistas recomendam manter uma alimentação saudável, beber bastante água e descansar em lugar escuro e silencioso. Utilizar compressas de água quente ou fria na região da cabeça que está doendo também é uma forma de reduzir a dor. Existem algumas terapias alternativas que ajudam a aliviar a enxaqueca, como é o caso da massagem, da acupuntura e da homeopatia. Recorrer a esses métodos é uma recomendação bem interessante no prognóstico.


Remédios para enxaqueca

Nunca tome nenhuma medicação sem antes conversar com o seu médico, encontramos um blog onde o colunista é um médico neurologista e ele mostra uma lista de remédios para dores de cabeça e enxaqueca.

E as complicações?

Na pior das hipóteses, uma crise intensa de enxaqueca pode resultar em complicações neurológicas permanentes. No entanto, isso raramente acontece. A pessoa que sofre com esse tipo de dor de cabeça costuma apenas ter dificuldades para realizar as atividades diárias, como trabalhar e estudar, sem falar que a sua qualidade de vida também é prejudicada.

Agora que você já sabe quais são as causas e os sintomas da enxaqueca, procure se manter bem longe dos fatores desencadeantes. Se você não souber ao certo o que está causando a dor de cabeça, faça um diário. Isso mesmo! Tome notas do que você comeu ou fez no dia da crise.