As mulheres em geral precisam ficar atentas aos sinais que seu próprio corpo envia. Unhas, pele, cabelos… tudo pode indicar alguma coisa da qual devemos prestar atenção em nossa saúde e um dos sinais mais visíveis para nós certamente são aqueles indicados através da menstruação.

Ciclo menstrual regular ou irregular, quantidade e cor do sangue são itens que sempre estão em pauta na saúde feminina. E um dos itens que preocupam é justamente a pouca menstruação.

Muitas mulheres ficam incomodadas com a quantidade de sangue menstrual mas obviamente ficam preocupadas quando notam a sua diminuição.

Alteração da menstruação

Vale lembrar que durante certas fases da vida, não necessariamente o ciclo menstrual apresentará regularidade.

Diversos fatores podem alterar o ciclo feminino, sendo que aqueles que sejam ambientais, emocionais, condições de saúde, atividade sexual e alimentação são determinantes para a compreensão de um diagnóstico.

Adolescentes também apresentam irregularidades iniciais, devido ao fato do corpo ainda estar em preparação para a puberdade e para as mudanças típicas decorrentes da idade. (Leia o artigo "Como saber o meu ciclo menstrual?")

O mesmo vale para mulheres que estejam entrando na fase da menopausa, que representa o momento em que ela para de menstruar.

Outras alterações hormonais e a presença de doenças sexualmente transmissíveis também podem ser indicadas através da menstruação.

Pouca menstruação: o que significa?

A pouca menstruação ou menstruação desregulada pode acontecer por diversos motivos, como aqueles descritos acima. As adolescentes normalmente ainda estão com o corpo em plena fase de mudanças e portanto a quantidade de sangue perdida durante a menstruação tende a variar pelo menos nos dois primeiros anos. O mesmo vale para as mulheres em vias de chegar ao fim de seu ciclo reprodutivo.

Quem pratica esportes e treinos durante várias horas ao dia podem apresentar pouco sangue na menstruação devido a uma deficiência nos níveis de estrogênio.

Há quem ligue o pouco sangue menstrual á um sintoma de gravidez, mas estas são coisas distintas, visto que a menstruação é o corpo trata de descartar um óvulo não fecundado e assim reiniciar o ciclo. O sangramento indicativo de gravidez portanto pode ser confundido com menstruação devido a quantidade e cor do sangue, mas não se trata do mesmo.

De qualquer modo, a principal conselho é ir ao ginecologista e tirar suas dúvidas. Nada de automedicação! Descubra do que se trata da forma mais correta e garanta tratamento adequado!

Se você está com dúvidas sobre outros assuntos relacionados à menstruação, indicamos a leitura do artigo sobre menstruação atrasada onde você poderá encontrar  muitas dicas de chás para descer a menstruação.

 E para quem deseja parar o ciclo, confira o artigo sobre como parar a menstruação que também poderá ser útil. Realmente quando o assunto é menstruação, todo cuidado é pouco, é preciso uma série de cuidados e observar todos os detalhes, qualquer anormalidade o médico deve ser consultado!

Recomendados para você: