food1

O estresse e a ansiedade são fatores considerados comuns principalmente no cotidiano daquelas pessoas que estão sempre correndo pra lá e pra cá, cheias de trabalho e responsabilidades mil.

Isso pode acontecer com qualquer pessoa e é preciso ficar atento: se as coisas estiverem fora de controle, à ponto de interferir também no comportamento alimentar, é preciso tratar disso para evitar problemas ainda maiores.

Quando ansiosas demais, algumas pessoas acabam exagerando na dose e comendo em excesso e normalmente quando se trata de ansiedade, é bem comum o consumo de alimentos gordurosos e de com muitas calorias, tudo para satisfazer e suprir uma carência que muitas vezes pode ser até emocional.

food

A ansiedade contribui para a produção de cortisol, hormônio associado ao acúmulo de gordura no abdômen. O organismo acaba ficando "estressado" e começa a armazenar alimentos, pois entende que está em perigo. Dessa maneira, o consumo de carboidratos e de açúcares acalma ao mesmo tempo que ajuda no aumento do peso, prejudicando a saúde..

Prática de exercícios físicos

Ler um livro ou tomar um banho gostoso são algumas das medidas que podemos tomar para diminuir os níveis da ansiedade e deixar o nosso dia mais desacelerado e prazeroso. Já as atividades físicas liberam a endorfina e a serotonina, oferecendo a sensação de prazer e de calma.

Correr 30 minutos diários já é suficiente para perceber bons resultados ou aposte nos exercícios físicos para fazer em casa.

Alimentação saudável

Alimentos com triptofano liberaram serotonina, juntamente com o acréscimo de ômega-3, que pode reduzir em até 20% o estresse e a ansiedade.

Além disso, peixes, vegetais, soja, arroz, abacate, caju, acerola, laranja, mamão, maracujá, gengibre, chá verde e chá preto são alguns dos ingredientes que ajudam a acalmar os nervos. (Veja uma lista de alimentos que combatem a ansiedade)

food3

Causas e tratamentos

Se você estiver muito sedentária, exagerando nas bebidas alcoolicas, consumindo muitos alimentos industrializados e abusando de medicamentos antiinflamatórios, a sua sensação de ansiedade tende a aumentar ainda mais.

food4

As dicas acima, são algumas sugestões imediatas que podem ser tomadas em casos mais simples, mas não espere que as coisas se agravem, procure a ajuda de um profissional para diagnosticar as causas do aumento de peso repentino e a ansiedade. Em muitos casos também pode estar relacionado à problemas hormonais.