os-beneficios-do-hipoglos-e-da-minancora-para-a-beleza-3

Um dos principais inimigos e sabotadores da pele perfeita é a descamação. Um fenômeno muito comum, em especial nas peles secas, que costuma gerar bastante incômodo. Principalmente com relação à estética. O efeito de pele descamando pode se apresentar no rosto, onde o problema em geral é mais comum, mas também se localiza por diferentes áreas do corpo como nos cotovelos, mãos, pés e lábios.

A descamação é causada principalmente pela falta de água nas células da pele, que começa a ressecar; dando origem ao desagradável e nada bonito efeito escamoso, onde pequenos pedaços de pele começam a se soltar. Por isso a importância de se manter uma regular hidratação; tanto externa, com o uso regular de cremes hidratantes corporais e faciais, como externa, através da ingestão frequente de água (no mínimo 8 copos por dia, tomados de hora em hora).

Causas da Descamação da Pele

Frio intenso ou tempo seco demais são outros fatores que podem levar a pele a ficar escamando. Junto com as mudanças climáticas e de temperatura, exposição excessiva ao sol, irritações na pele por tratamentos de beleza (peelings) e uso de medicamentos ou tópicos para combater a acne, por exemplo, também contribuem para originar o problema.

Que, em geral, não costuma ser grave, bastando uma hidratação mais intensiva e mudanças nos hábitos de limpeza na pele. Com isso, em algumas semanas  poderá se observar uma significativa melhora no quadro, uma vez que a pele costuma responder rápido aos tratamentos.

pele-perfeita-inverno

Situações em que a pele descamando não apresenta melhora, mesmo sendo hidratada com constância e se utilizando produtos específicos para tratá-la, pode ser sinal de algum outro tipo de infecção ou doença, até então desconhecida, e que está provocando o incômodo na pele. Neste caso, é necessário procurar um dermatologista, que vai analisar o caso e traçar o seu diagnóstico com precisão.

Algumas doenças possuem a reação descamosa como principal sintoma. No topo da lista está a Psoríase, Eritrodermia, Dermatite Esfoliativa, Eczemas, Ictiose, Doença de Kawasaki e a Síndrome de descamação da pele. Além de superdosagens de vitamina A e transpiração excessiva (Hiperidrose).

Cuidados inadequados igualmente ajudam a pele a desenvolver escamação. Mau uso de dermocosméticos, banhos com água muito quente, uso de produtos adstringentes (tônicos) que contenham álcool, principal ressecador da pele.

Para quem tem acne e pele oleosa ou mista e faz uso de sabonetes em barra contendo substâncias como o ácido salicílico ou glicólico, a dica é optar sempre pelos sabonetes líquidos que limpam a pele de maneira mais suave. Os formulados com Aloe Vera são boas pedidas.

pele-descamando

Mesmo a higiene excessiva pode deixar a pele escamando. Ela não deve ser lavada mais que 2 vezes ao dia. Para tratar a escamação do rosto, após a sua limpeza é recomendável passar um bom hidratante facial específico para o seu tipo de pele.

No corpo, para manter regiões como cotovelos, mãos e pés longe da escamação, loções corporais à base de substâncias emolientes, a exemplo do silicone, uréia, aveia, pantenol e dexpantenol, lanolina, ceramidas, alantoína e manteiga de karité costumam trazem ótimos resultados. Assim como os hidratantes feitos com óleos de amêndoas doces, óleo de girassol, óleo de semente de uva, óleo de gérmen de trigo e de rosa mosqueta. Aplique-os duas vezes ao dia logo após o banho.