Que sofre com manchas na pele sabe muito bem que não é nada fácil conseguir se livrar delas, não é nada fácil mesmo. Venho de uma luta bem grande com a acne e com manchas na pele, desde muito jovem, aos 15 anos quando descobri que tinha a tal síndrome dos ovários policísticos. Desde muito cedo então eu comecei a tratar este problema, seguindo a orientação do ginecologista, a fim de controlar os hormônios para que a pele conseguisse estabilizar e claro, os cistos desaparecessem. Acontece que as medicações que são passadas, elas não curam, não resolvem o problema, elas apenas “maquiam” aquele problema que na verdade continua lá, só que um pouco mais contido. Então eu tomei anticoncepcional e outra medicação combinada, por muuuuito tempo, para que eu conseguisse manter o equilíbrio hormonal. Depois de muito tempo, parei de tomar estes remédios porque queria engravidar, então deixei de tomar e claro, a acne voltou com tudo! Então eu sempre ia tentando passar um remedinho aqui, uma pomadinha ali, sempre tentando amenizar a situação, elas até melhoravam um pouco, mas nunca saíam totalmente.

Depois quando engravidei então, nossa… a minha pele era ‘bordada’ de espinhas. Nas minhas duas gestações foi assim, bem chato, mas não tinha muito o que fazer. Depois que as meninas nasceram, eu ganhei melasmas gigantes, ou seja, o que já estava feio, ficou bem pior. Agora era pele acneica e manchas. Não é fácil lidar com isso, não adianta, isso chateia a gente. Lembro que minha autoestima estava lá embaixo, usava maquiagem para amenizar a situação, mas a coisa estava ficando de um jeito que nem com maquiagem eu conseguia esconder o melasma abaixo dos olhos. Isso me deixava bem triste. Quando eu fazia a higiene da pele e deixava a pele totalmente sem maquiagem me sentia horrível, com a pele cheia de manchas e diversos pontos de acne na região do queixo, não gostava de me ver assim e outra pessoa me ver assim então? Jamais. Eu estava dependente de maquiagem, não abria a porta de casa para ninguém sem estar maquiada, não botava o pé pra fora de casa com a “cara lavada”, tinha que estar sempre com maquiagem mesmo, porque a pele estava detonada. E eu sentia muita vergonha de estar assim.

No final do ano de 2018 eu resolvi buscar a ajuda de uma dermatologista e não me importava com o preço, eu queria fazer qualquer coisa pra melhorar a minha pele. Eu estava disposta a fazer o que fosse preciso. Então durante a consulta, a doutora receitou algumas medicações e comentou sobre o microagulhamento, que dava bons resultados e tudo mais, então fiquei extremamente animada e sim, bora fazer o microagulhamento.

Porém, o grande erro da minha parte (por pura ansiedade de melhorar logo!) foi fazer esse microagulhamento com alguns pontinhos isolados de acne no queixo, eu estava com a pele relativamente boa naquele dia, mas tinham alguma acne ou outra. Então fizemos o procedimento (que de fato é fantástico!), mas infelizmente pra mim deu um efeito rebote. Depois de ter feito esse procedimento, aí sim eu fiquei bordada de espinhas na pele. Lembro que na época o microagulhamento custava R$600 e pra mim foi o mesmo que nada. Depois disso passou muito tempo, fui tentando controlar a pele de um jeito ou outro.

Então lá pelas tantas, em março deste ano (2019) eu tive a ideia de procurar uma esteticista para fazer uma limpeza de pele, pra ver se dava uma melhorada nessa pele. Fizemos a limpeza e claro, o aspecto geral da pele não mudou em nada, mas eu sentia que estava um pouco mais leve, com a pele um pouco mais limpa. Mas mesmo assim, fiquei um pouco frustrada. Não sei dizer, talvez no fundo, no fundo, eu esperava alguma “mágica” e que a pele respondesse já de uma forma positiva haha, mas não. Obviamente, né?

Mas o fato de não ter mudado nada, foi exatamente o que me ajudou a tomar uma decisão: Encontrar pelos meus próprios meios uma maneira de melhorar a textura dessa pele, de melhorar a acne e melhorar as manchas. E eu vou adiantar aqui pra vocês uma coisa: EU CONSEGUI TUDO ISSO. E SIM, POR MINHA CONTA!

A partir deste momento, eu me tornei a louca da pele. Eu li muito, eu li tudo, eu li demais, tudo tudo que poderia me ajudar, li relatos de outras pessoas, li a experiência de outras pessoas com o mesmo problema, com a mesma pele, com a mesma característica que a minha e por fim, depois de ler muito e entender o que eu precisava fazer, hora de colocar em prática! Eu comecei a ser extremamente cuidadosa com a minha pele, a limpeza da minha pele, a rotina da minha pele é SAGRADA. De manhã e de noite.

Rotina de pele matinal

De manhã eu lavo bem o rosto com o meu sabonete líquido da Actine e então seco a pele numa toalha BEM limpa. Aí eu aplico o adstrigente da Actine (que ajuda a fechar os poros), espero secar e então coloco umas gotinhas do sérum da La Roche Hyalu B5, espalho bem. Depois de secar, aplico o hidratante Hydra Boost da Neutrogena (que é maravilhoso). Depois eu passo bastante filtro solar. Uso o protetor da Vichy/toque seco, 50fps. Depois de ter feito tudo isso, aí sim uso a maquiagem normalmente.

  • sabonete líquido Actine ou shampoo jhonson
  • Adstrigente Actine
  • Gotinhas de Hyalu B5 Repair
  • hydro boost neutrogena
  • Filtro solar vichy

Rotina de pele Noturna

Eu jamais vou dormir sem tirar a minha maquiagem, não importa se for 2 horas da manha, não importa se eu estiver caindo de sono, não… não importa. Isso é fundamental, a limpeza dessa pele. Sou adepta à “double cleasing” (que é muito popular entre as mulheres asiáticas), basicamente é fazer a limpeza de pele com dois produtos diferentes, no meu caso estou usando o óleo de semente de uva da Flora Fiora e uso a água micelar da Loreal, depois disso, lavo o rosto com o sabonete líquido da Actine para peles acneicas (alterno em alguns dias com o shampoo neutro da jhonson, o amarelinho!)

Depois que a minha pele ficou bem limpa, eu decido o que fazer naquele dia. Por exemplo: Em alguns dias da semana eu aplico a máscara de argila branca que maravilhosa para clarear a pele, em outros dias eu faço a máscara de farinha de arroz que também ajuda com as manchas, em outros dias eu uso o Cicaplast da La Roche quando a pele está pedindo uma hidratação maior (Esse é poderoso para hidratar, principalmente nestes dias mais frios que a pele chega as vezes à descamar.)

  • óleo de semente de uva
  • água micelar Loreal
  • Sabonete líquido Actine
  • E o tratamento do dia: máscara, esfoliação, hidratação, depende do dia.

Essa é a rotina normal agora. Porém, antes de estabilizar essa rotina, usei um mês inteiro o Limpa Pele. Vou falar dele aqui embaixo:

LIMPAPELE: O grande amor da minha vida

Até então a minha rotina era essa, de muitos cuidados e com resultados satisfatórios dia a dia. Percebia que a pele estava ficando com mais viço, percebia que a pele estava respondendo bem, que estava com uma textura um pouco melhor, enfim. Mas o grande achado da minha vida, o que mudou a história da minha pele foi um produto chamado ❤ Limpa Pele ❤.

Esse foi o responsável por mandar as espinhas embora e clarear a minha pele muito, mas muito rápido. Comecei a ler sobre ele, analisei muitos casos de pessoas que usaram e parecia até enganação, parecia que era bom demais pra ser verdade. Como que um produto em menos de um mês tiraria todas as manchas do meu rosto? Então eu me joguei nele, e como não tinha muito à perder, decidi testar. Bom, em resumo da história, em 7 dias já notei que ele clareou as manchas da minha pele de uma forma bem notável. E depois de um mês de uso a minha pele ficou clarinha, como NUNCA.

A ordem das fotos está trocada, mas este é o resultado de 7 dias de uso do Limpa Pele.

Eu até estranhava quando me olhava no espelho, dava pra jurar que eu ainda estava maquiada, porque as manchas haviam sumido. Bom, hoje eu estou feliz, realizada. Não estou com a pele dos sonhos e não estopu com uma pele perfeita, mas estou com a pele ótima! Estou com uma pele clara, com mais viço e se precisar sair sem maquiagem, eu saio. Pra mim ainda é difícil me acostumar a ficar SEM MAQUIAGEM, de tanto que já usei maquiagem nessa minha vida, parece uma coisa automática e que faz parte de mim, USAR BASE TODOS OS DIAS. Coisa triste né? haha Tava tão acostumada com aquele monte de manchas, que agora mal me dou conta que nem precisa mais tanta base assim. Cada dia estou diminuindo mais e mais o uso da base.

Gente, eu nunca fiz um post assim aqui no Muito Chique, com um assunto tão “íntimo”, tão delicado que é pra mim. Nunca me expus assim com fotos do meu rosto porque sempre tive vergonha, sempre me sentia pra baixo em ver isso, imagina então mostrar para os outros. Mas graças a Deus essa realidade mudou e estou bem feliz agora. Não liguem para as fotos, tá? São meio chocantes eu acho, principalmente para quem estiver lendo isso e que me conhece, certamente estas pessoas ficarão impactadas com o jeito que a minha pele estava antes. E sobre a foto do depois, tá bem esquisita, tô de olhos fechados haha, mas gente, estou com a pele limpa e pele limpa é uma conquista. Por isso vim dividir com vocês o meu relato, a minha história, a minha experiência e a solução que eu encontrei pra tudo isso. Está longe de estar uma pele perfeita, mas perto do que ja esteve um dia, estou bem feliz. Ah e uma coisa muito importante que eu sei que muitas pessoas vão querer saber: O Limpa Pele não dá efeito rebote nenhum.

O estado em que minha pele se encontrava, acne e manchas.
Este é o resultado depois 3 meses de cuidados.

Para finalizar eu quero dizer que esta foi a minha experiência pessoal, não estou sendo paga para falar de produto nenhum aqui, este não é um publieditorial, não vou ganhar 1 real com isto. Só queria mesmo poder compartilhar com outras pessoas e dizer que SIM, tem jeito de recuperar a sua pele! Tem jeito de mudar a sua pele, tem jeito de acabar com as espinhas, tem jeito de acabar com as manchas e voltar a ter uma pele bonita. Ainda tenho um loooongo caminho pela frente, estou indo para o meu segundo frasco de Limpa Pele (estou esperando ele chegar) e vou continuar com a minha saga em busca de uma pele melhor e mais bonita.

Minhas queridas, era isso!

Um beijo!