aeropilates

Já ouviu falar em aeropilates? Hoje vou contar com detalhes como funciona esta modalidade e quais os benefícios para a saúde!

Não sei ao certo quando comecei a ouvir falar em Pilates mas da primeira aula me lembro bem. Foi em uma academia no Centro de Porto Alegre em um dia de manhã, fomos eu e uma amiga. A aula era uma daquelas sem os aparelhos e que se vê comumente em academias que não são estúdios exclusivos de Pilates. A experiência não foi nada de surpreendente, já sabia que não conseguiria fazer vários dos exercícios e não consegui mesmo. Foi " Oi " e "Tchau " no mesmo dia.

Hoje em dia, passados alguns anos desse primeiro encontro com o Pilates, muita coisa mudou. Pra mim e pro Pilates, e isso é bom. Muitas derivações da modalidade apareceram e consequentemente muitos adeptos novos também. Eu por outro lado segui outros caminhos e explico, não gosto muito de atividades muito paradas, com som baixo e que exijam grande concentração. Cada um tem que descobrir o que gosta para não parar de praticar. Se você se envolve apenas por modismo daqui há pouco tempo vai inventar desculpas para não aparecer mais. Se você gosta pratica até sozinha em casa, não é verdade?

aeropilates


O que é o Aeropilates?

Entre algumas das novas formas de praticar a modalidade que surgiu nos últimos tempos está o Aeropilates. O próprio nome já anuncia o que vem por aí, um Pilates praticado nas alturas,  suspenso. Como será que isso começou? É derivado de que outras práticas? Funciona mesmo? E se funciona, que benefícios traz para  o nosso corpo?

Já que começamos com um post cheio de perguntas é chegada a hora das respostas. O Aeropilates, claro vem do próprio Pilates mas tem no seu criador uma origem duvidosa, ou seja, esse filho tem vários pais e não sei ao certo quem o criou.  Em alguns lugares a criação do método é atribuída ao espanhol Rafael Martínez, e ele teria se originado da união de técnicas relacionadas ao Yoga e Pilates. Em outro lugar que pesquisei a criação seria da instrutora de Pilates e bailarina Fabíola Brandão, do Rio de janeiro, que teria experimentado a mistura de Pilates com Ballet aéreo.  Malandro foi o próprio Joseh Pilates que inventou e garantiu colocando o próprio nome no método.

Aeropilates e tecido acrobático é a mesma coisa?

Quem já viu uma sala de aula de tecido acrobático não vai estranhar uma de Aeropilates, são bem parecidas. Com cor, música e aparelhos saindo do teto. As posturas ( posições do método original ) são executadas nesse tecido vertical  e no balanço fixo no teto. Dessa forma eles utilizam a gravidade e a instabilidade para desafiar os praticantes ao equilíbrio. Por ser uma atividade lúdica, que remete ás técnicas circenses,  o Aeropilates vem ganhando adeptos entre crianças e adultos que desistiam fácil de outra modalidade ou que nem queriam encarar uma academia, uma sala de musculação. O apelo é realmente outro e funciona, tanto que cresce a cada dia o número de estúdios que inclui a modalidade suspensa em sua grade de horários.


Benefícios do Aeropilates para o corpo

aeropilates

E ao trocar a sala de musculação pelos tecidos, será que o ganho de força, os músculos tonificados vão ficar para trás? Os instrutores garantes que não. Os ganhos de força ocorrem devido à resistência do peso do próprio corpo, aumentando o tônus muscular. Ocorre também um significativo aumento da flexibilidade corporal. É tudo que a gente quer, um corpo tonificado e flexivel.

aeropilates

Ao ficar na posição invertida e preso pelo tecido – de forma segura, garantem – quem sofre de dores na coluna sente bastante alívio porque as vértebras descomprimem e com a progressão dos exercícios durante as aulas podem conseguir uma melhora definitiva no alongamento da coluna. Ou seja, ponto pro Aeropilates! Além disso, a precisão e postura correta na execução dos movimentos ajudam a prevenir dores musculares, atrofias e problemas futuros na coluna.

aeropilates

Vantagens do aeropilates

Podemos relacionar a prática frequente da atividade com vários ganhos para a saúde, enumerando a seguir alguns que podem fazer a diferença na hora da sua escolha:

  • Melhora do equilíbrio;
  • Cada hora de treino queima até 500 calorias;
  • Melhora da consciência corporal e respiração;
  • Trabalha e ajuda na a coordenação motora;
  • Melhora nos quadros de insônia e diminuição do estresse;
  • Melhora da circulação sanguínea e linfática;
  • Ajuda a modelar o corpo.

Que tal? Até agora tudo indo bem, mas será que a atividade pode ser feita por todas as pessoas?


Existe contra-indicação para o Aeropilates?

aeropilates

Existe mas não é nada surpreendente, por exemplo: Pessoas com problemas de hérnia de disco precisam de liberação do médico e de adaptações nos exercícios. Quem tem problemas de vertigens ou labirintite não tem indicação para fazer. Os exercícios são aplicados conforme as limitações do aluno. Alguns instrutores não recomendam para grávidas, por exemplo, por conta dos riscos de queda que podem ocorrer. Também é contra-indicado para mulheres que sofrem de endometriose, pessoas com glaucoma, problemas cardíacos ou hipertensão por conta das  posturas invertidas que aumentam o retorno venoso ( retorno do sangue cheio de gás carbônico que vem das veias para o coração ). Ou seja, como qualquer outra atividade, antes de começar, converse com seu médico e com o instrutor também. Nada de chegar quietinha na aula e sair tentando acompanhar a turma.

Quanto aos limites de idade eles não têm restrição. Pode praticar o Aeropilates desde as crianças de dez anos até os idosos. O ganho de flexibilidade e equilíbrio bem evidente na terceira idade tem feito os idosos perderem o medo das alturas e curtirem os momentos das aulas.

Você também vai amar:


E como é a aula de aeropilates propriamente dita?

aerorevista-pilates

Como falei anteriormente as aulas são em salas especiais onde os aparelhos são fixados no teto de forma segura. A aula é com música e os tecidos são coloridos, dando um ar bem especial ao ambiente. O objetivo é mesmo superar os limites a cada aula. O treino é dividido em três etapas, três partes sendo a inicial dedicada ao aquecimento das articulações e ao alongamento do corpo. Na sequência vem os exercícios derivados do pilates. O foco deles pode ser tanto força quanto flexibilidade ou uma combinação dos dois. na finaleira depois de tanto ficar no espaço, é realizado um relaxamento ( que no tecido deve ser bem gostoso ) e um alongamento final para evitar lesões.


E os valores? Quanto custa para fazer Aeropilates?

aerorevistapilates5

O preço varia bastante mas exatamente com o Pilates não é uma atividade barata. Exige certificação do profissional, aluguel do estúdio e não são muitos alunos por turma. Fora que existem bairros mais caros e outros mais afastados que cobram um valor menor. O ideal é fazer uma pesquisa partindo dos estúdios de Pilates que existem perto da sua casa e ir perguntando.  Já aproveite a pesquisa para ir queimando calorias pelo caminho.

E aí, curtiram a ideia ? Não esqueça que as academias e estúdios disponibilizam aulas experimentais para que a pessoa possa conhecer  e ver se gosta sem nenhum custo. É uma ótima oportunidade de conhecer aulas diferentes até descobrir algo que lhe motive! Sucesso!


/Fonte das imagens/

  • Foto1- Getty Images
  • Foto2- Revista Pilates
  • Foto3- Reprodução Instagram
  • Foto4- Revista Pilates
  • Foto5- Revista Pilates
  • Foto6- Revista Pilates
  • Foto7- Revista Pilates