Você sabe o significado de BLW? Sabe o que é o método BLW? Trata-se da introdução alimentar sem papinha para os bebês. Hoje vamos esclarecer todas as suas dúvidas sobre este assunto. Confira!

É consenso entre mães e pediatras que  antes dos 6 meses de idade a alimentação dos bebês seja somente o leite materno. Esse é o único alimento indicado e nada mais. Simplesmente porque não precisa, nele estão todos os nutrientes que a criança precisa de forma completíssima e o desenvolvimento está garantido nessa fase.

Método BLW

Depois dos seis meses a criança já começa a sentar e alcançar com as mãozinhas alguns objetos. Segura as coisas e é nesse momento que começa a introdução de alimentos diferentes. A introdução alimentar é uma fase difícil e prazerosa para as mães, afinal nunca se sabe o que o bebê vai aceitar facilmente, o que não vai querer comer de jeito nenhum. É nesse momento que a gente encontra alguns tabus e divergências entre mães, métodos, nutricionistas e pediatras.

método-blw

Introdução alimentar em bebês

O que dar para a criança? Papinhas de legumes e proteínas? Somente frutinhas amassadas na colher? Posso apelar para papinhas industrializadas? Posso continuar só no leite? É um momento de dúvidas e para falar do novo método que vem ganhando projeção entre as mamães vamos estudar a fundo o BLW – Baby-led Weaning – para que você decida se gosta ou não dessa forma de introdução alimentar. Vamos conhecê-lo?

método-blw


De onde veio o Método BLW – Baby-led Weaning?

Ele não surgiu do nada nem veio através de experimentação leiga e curiosa. Foi criado pela  britânica Gill Rapley, consultora em saúde e autora do livro Baby-led Weaning: Helping Your Baby to Love Good Food. A sigla vem daí. Já ouviram falar dela ou desse livro? Resumidamente o método diz que deve-se oferecer à criança alimentos nutritivos como carne branca, legumes cozidos e frutas macias em pedaços, preferencialmente em formatos que facilitam para a criança pegar. É uma maneira prática de incluir o bebê na mesa do almoço ou jantar.

método-blw


O que é o Método BLW?

Sendo assim o bebê consegue de forma natural e intuitiva controlar seu próprio ritmo de comer, explorar os alimentos o quanto quiser e ser motivado pela curiosidade de conhecer novos alimentos. Ele terá uma autonomia fantástica e dessa forma isso o  influenciará a descobrir as cores, sabores e texturas dos mais variados alimentos, além de começar a aprender como é a reunião familiar nas horas das refeições. Também irá fazer com que o bebê descubra sozinho quais alimentos prefere comer e principalmente aprende desde cedo como é uma boa alimentação saudável.


Quando começar o BLW?

A partir dos seis meses o bebê já senta sozinho, segura alimentos e  já não tem o reflexo de protrusão da língua (o que evita engasgos), e o intestino está preparado para receber novos alimentos. Bebês prematuros ou que tenham alguma condição especial de saúde ou atraso motor, que afetem a sua habilidade de engolir ou mastigar os alimentos, não se recomenda o BLW. Vale ressaltar que é importante que os pais discutam com o pediatra sobre a introdução alimentar do seu filho e os métodos a serem utilizados.

BLW ( Baby-led Weaning ) e os engasgos

A autonomia proposta pelo BLW não tem nada a ver com deixar a criança comendo sem supervisão. A intenção é fazer com que o bebê que se alimenta sozinho, entenda o mecanismo e não engasgue. Muitos pais se preocupam com o risco do bebê engasgar dessa forma. Embora esse método pareça arriscado, há mais motivos para pensarmos que o bebê tem menos risco de engasgar quando estão no controle do que quando são alimentados com a colher.

método-blw

Pense por etapas de aquisição das habilidades do bebê, eles desenvolvem primeiro a habilidade de mastigar antes da habilidade de empurrar o alimento intencionalmente até a garganta. E antes de aprenderem a mastigar, desenvolvem primeiro a habilidade de alcançar e agarrar coisas. Mais tarde ainda, desenvolve-se a habilidade de pegar coisas muito pequenas. Ou seja, bebês pequenos não podem se colocar em risco facilmente, já que eles ainda não conseguem pegar pedaços pequenos de comida.

método-blw
Ao alimentarmos o bebê com a colher, podemos encorajá-lo a sugar o alimento diretamente para o fundo da boca, aumentando o risco de engasgo. Dessa forma, percebemos que o desenvolvimento geral de um bebê está muito ligado à sua habilidade pegar objetos (os alimentos nesse caso, por isso os pedaços em forma de haste, compridos, de forma que ajude o bebê a pegá-los), levá-los à boca, mastigá-los e engoli-los. Um bebê que resiste muito a colocar comida na boca, provavelmente ainda não está completamente pronto para comê-la.

Mesmo que em um primeiro momento pareça mais perigoso do que a colher saiba que não é. Tenha confiança na natureza do bebê, confiando em seu sistema de autorregulação e saciedade.  E dê oportunidades para que o bebê conheça e explore os alimentos e aprenda todas as habilidades motoras e sociais relacionadas ao ato de comer.

método-blw


Princípios do Método BLW – Baby-led Weaning

– Amamentação como base: a fase inicial da alimentação, a partir dos 6 meses, consiste em uma experimentação. Assim, o leite materno deve continuar sendo a base alimentar do bebê. O resto é complementar.

– Descoberta da comida: o BLW permite que o bebê utilize o seu desejo de explorar, de experimentar e de imitar as atividades dos outros. Assim, a criança define o ritmo de cada refeição e prepara-se para a transição para os sólidos da forma mais natural possível.

– Experiência completa: bebês que comem sozinhos têm mais do que apenas o sabor do alimento para focar – experimentam também textura, cor, tamanho e forma.

método-blw


Como começar o BLW?

  • Coloque o seu bebê na posição vertical, de frente para a mesa, no seu colo ou em um cadeirão.
  • Certifique-se que ele esteja em segurança, num assento estável (sem balançar ou com o apoio “em falso”) e que o bebê possa usar as mãos e os braços livremente.
  • Ofereça o alimento ao bebê; em vez de dar a ele, coloque-o em sua frente ou deixe-o pegar em sua mão, para que a decisão seja dele.
  • Comece com os alimentos que são fáceis de pegar: palitos grossos e longos são melhores no início. Cenoura é um excelente alimento.

método-blw


Dicas práticas para introdução do método BLW

  1. Introduza novas formas e texturas gradualmente, para que seu bebê possa aprender como lidar com elas.
  2. Sempre que puder, inclua seu bebê em suas refeições. Quando possível, desde que seja adequado e saudável, ofereça ao bebê a mesma comida que você está comendo, para que ele possa copiar você.
  3. Antes de apresentar a refeição ao bebê certifique-se que ele está descansado (ter dormido bem) e está sem muita fome! Isso mesmo. Muitas mães acabam se equivocando achando que quanto mais fome sentir, mais o bebê aceitará a
  4. comida e comerá facilmente. O problema é que quando sentimos fome ficamos irritados, com pouca concentração, e nesse início o bebê não vai entender que precisa daquele alimento. Ele não vai aceitar a banana para aliviar o
  5. desconforto, ele vai querer o leite e principalmente o seio e o colo para se acalmar. Vamos lembrar que a BLW é um processo de aprendizagem, precisa de tempo livre para ser internalizada. Cada bebê reage de uma forma particular e
  6. especial.
  7. Continue oferecendo o leite materno ou fórmula como antes – esta ainda é a principal fonte de nutrientes do bebê, até o primeiro ano de vida. Quando o bebê precisar mamar menos, ele vai reduzir por si mesmo.

método-blw


Mais dicas para começar o método BLW

  • Disponibilize água para o bebê durante as refeições, para que ele beba caso necessite. Esse é um ponto importante, muitas vezes o bebê não quer comer mais e você pode oferecer água, ele bebe e volta a comer novamente.
  • Não apresse ou distraia o bebê enquanto ele estiver lidando com o alimento. Permita que ele se concentre e use o tempo que precisar. No começo vai ser uma sujeirada, mas assim que se adaptar as coisas melhoram. Muitas vezes
  • ficamos tão ansiosas para as coisas acontecerem que acabamos atrapalhando. Fique tranquila e deixe seu bebê aprender a manusear os alimentos.
  • E por último e muito importante: Não coloque comida na boca do bebê e não tente convencê-lo ou forçá-lo a comer mais do que ele quer. Acredite no seu bebê, ele sabe quando está satisfeito. Respeite!

Recomendados para você: