menstruar-na-gravidez

Se você está no primeiro trimestre de gestação e percebeu um sangramento, pode estar com dúvidas se menstruou ou não, e o que de certo está acontecendo com o seu organismo.

Não fique assustada: você pode ter tido um sangramento íntimo que requer alguns cuidados.  No caso, é de extrema importância identificar a origem dele, e logo após, consultar um médico ginecologista.  Um pequeno sangramento é comum nas primeiras 12 semanas de gravidez. Porém, ele pode ser confundido com uma menstruação fora do ciclo. (Veja como saber o ciclo menstrual)

gravidez-menstruação

Gravidez e Menstruação

Este sangramento é causado, muitas vezes, pela implantação de um embrião na parede do útero. Por isso, perceba se a coloração do sangue é mais clara do que de costume, e a duração do sangramento menor do que em uma menstruação normal. Um outro motivo pode ser as mudanças no colo do útero. Uma quantidade maior de sangue acaba fluindo e fazendo com que o colo fique mais sensível, após uma atividade sexual ou um exame ginecológico, por exemplo.

Já na gravidez ectópica – onde embrião está localizado na trompa -, também pode ocorrer um sangramento acompanhado de dor pélvica ou abdominal. Na gravidez molar, uma massa chamada “mola” forma-se dentro do útero, resultando em sangramento, além das infecções na região íntima, no colo do útero, ou até mesmo, um aborto natural.

gravidez-menstruacao

Se você notar qualquer tipo de sangramento, mas que seja leve e que não persista por mais de um dia, marque uma consulta com o seu ginecologista. Caso o sangramento dure mais de 24 horas, procure seu médico imediatamente. O mesmo vale para sangramentos moderados e/ou  abundantes, acompanhados de dor, cólica, febre e calafrios.

Fique atenta à todos os sinais que o seu corpo dá, a menstruação atrasada significa que alguma coisa está errada ou pode ser indício de uma gravidez. Em alguns casos a menstruação desregulada também pode estar sinalizando uma gravidez ou alteração hormonal.